Suzano/Schalka: nova marca passará a ser apenas Suzano

Por Broadcast

O presidente da Suzano Papel e Celulose, Walter Schalka, afirmou há pouco durante teleconferência com analista e investidores que a marca da nova empresa será apenas Suzano. Ao comentar o longo período de negociações, o executivo agradeceu a postura extremamente colaborativa de Marcelo Castelli, presidente da Fibria, na condução do processo. “A partir de 14 de janeiro passamos a ser apenas Suzano. Até lá, as duas empresas seguem operando separadas e usando os respectivos nomes”.

Ontem, a companhia obteve aprovação da autoridade da concorrência da Europa para a combinação de seus negócios e bases acionárias. Esse era o último passo para que as empresas pudessem se unir. Em um negócio de gigantes, a Suzano anunciou em março a aquisição de sua maior rival, a Fibria, líder global em celulose, criando uma empresa com capacidade de produção de 11 milhões de toneladas. Com isso, a Suzano assumirá o controle acionário da nova companhia, com 46,4%. A união criou, na época, a quinta maior companhia em valor de mercado do Brasil.